Quem sou eu

Minha foto
Esposa, mãe, professora, artesã. Apaixonada por tudo o que faz. Amante da música, de um bom livro, de estar com a família e amigos. Simples não? Isso é viver!

Pesquisar este blog

25 fevereiro 2013

Desapego IV - viver simplesmente


Lendo os comentários publicados para o tema Desapego vi que todas são unânimes em dizer que o desapego não é fácil e eu tenho de concordar com isso. Ele necessita de exercício, de treino, porque vivemos em uma sociedade do consumo. Poucas pessoas conseguem ficar imunes aos apelos publicitários incentivadores do comprar, do obter.
Isso me faz\ lembrar de uma pequena história que eu não me lembro se ouvi, vi ou li a respeito do espírito de  pobreza de Leonardo Boff. Vou contar, mas não sem antes fazer um comentário a respeito de passar para frente algo de que você ficou sabendo. "Quem conta um conto, aumenta um ponto". Se você vai contar algo que denigre uma pessoa é melhor esquecer, porque aumentar um ponto a um fato já ruim é maledicência... agora, aumentar pontos em algo bom só tende a engrandecer esse algo ou alguém de quem estamos falando.
Voltando ao que quero contar, que como disse, não sei se é verídico ou não, mas se não for, gostaria que Leonardo Boff visse como um conto, uma ficção, uma prosa que vai ajudar às pessoas que sofrem de compulsão consumista.
Uma vez, em entrevista perguntaram a Leonardo como ele vivia em uma sociedade capitalista, de alto consumo tendo como filosofia e modo de vida calcados na pobreza. Pobreza aqui não tem o cunho de miséria, mas de ter, apenas, o estritamente necessário que permita viver bem, com dignidade e não com opulência, com acúmulo de bens, já que acúmulo de bens excede ao que necessitamos. Leonardo respondeu que vivia bem, que de tudo que necessitava ele possuía. Perguntaram, então, como ele se divertia e ele respondeu: lia, passeava ao ar livre, mas foi com a última pergunta que Leonardo deu o testemunho de que cultivava o despego como ninguém... que resistia bem ao apelos da sociedade de consumo. Perguntaram-lhe se ia a Shoppings, já que lá a idéia era essencialmente para comprar, para consumir. Ao que ele respondeu:
--- Claro que vou... vou ao shopping para saber do que não preciso comprar.

23 comentários:

  1. Olá Marina!
    Você sempre me encantando!!
    A partir de agora vou ir para o shopping com este pensamento de Leonardo Boff!..vou ao shopping para saber do que não preciso comprar...
    Tenha uma noite abençoada!
    Beijocas!

    Obrigada por abraçar, tão carinhosamente, nosso projeto!

    ResponderExcluir
  2. passando para fazer uma visitinha rapida amiga, adorei essa postagem, eu já sofri e muito anos atrás com a compulsão por compras, so consegui me livrar com tratamento, comprava tudo que via e o que não via pela frente, tudo que aparecia na tv vendendo eu ja pegava o telefone pra ligar, se eu não fechasse o mês com pelo menos cinco pares de sapatos novos na caixa eu pirava..

    ResponderExcluir
  3. Olá amiga Boa noite e parabéns pelo cantinho inspirador.

    Faço parte das BU e gostaria de te convidar a seguir meu blog. Caso aceite, voltarei a seguir o seu,ok?
    Meu blog www.profetizandotudoposso.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. É amiga isso e difícil, esse tipo de desapego confesso que na minha época de solteira eu sofria muito com isso eu era muito consumista em compras mesmo sem está precisando de nada acabava comprando coisas quem nem usava ficava guardado em algum canto do armário hoje vejo que era uma besteira o que eu fazia mas ainda tenha que melhorar e muito porque as vezes me pego fazendo isso nossa eu fico muito brava comigo mesma quando isso acontece aos pouquinhos eu vou melhorando estou indo de vagar mas estou conseguindo tenha uma ótima noite

    Beijokas da Danzoka

    ResponderExcluir
  5. Boa noite flor! Linda a sua postagem, parabéns. Precisamos todos nos desapegar para que coisas novas aconteçam em nossas vidas . Bjs
    Ana Cristina
    Cantinho by Giuly’s

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim... quando vc tira uma coisa que está lhe pesando vc vai ficar mais leve... só que vc não sabe essa sensação se não usar dela.

      Excluir
  6. Meninas, obrigada a todas... vou com calma visitar a cada uma.

    ResponderExcluir
  7. Oi querida,

    Ficou linda a sua postagem..

    Um beijo
    http://www.virtuosa-artesanato.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. OLá, querida.
    Sua postagem ficou linda, belas imagens
    precisamos nos despegar e viver o novo tempo em nossa vida
    bjs

    ResponderExcluir
  9. Passando mais uma vez para conferir sua participação.
    Deixando um 'abreijo' ' fessora!' rs!

    ResponderExcluir
  10. realmente amiga desapegar-se não é fácil, mas faz parte de nosso aprendizado. são coisas que somente poderemos fazer e sozinhas.
    Bju
    Toninha Ferreira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabe que vc pode fazer em conjunto? Meu marido já está sentindo os prazeres do VIVER SIMPLES. Veja essa casa ai do lado... Marbela... é uma casa de praia... fiz pequena, apenas 2 quartos, um banheiro, uma sala e cozinha, mas do lado de fora fiz um varandão, um fogão a lenha e uma cozinha pra cozinhar do lado de fora. Fui econômica nos móveis... o estritamente necessário... minha filha me disse para comprar daquelas mesas rusticas, pesadas, de toras de madeira... muito bonitas disse eu, mas pouco práticas. Optei por mesa e cadeira dobráveis... quando as filhas dessa minha filha chegam mesas e cadeiras são dobradas, tiradas do caminho e o espaço é todo para elas... andam de bicicleta, correm. Na sala optei por uma sofanete que imita bem um sofá sem braços... serve como cama e como assento. Uma cama de casal e duas de solteiro. Na sala não tem mesa... são as dobráveis que servem lá e cá. É incrível a leveza que dá os espaços livres.

      Excluir
  11. OLÁ MARINA...
    ADOREI TUA POSTAGEM DO DESAPEGO,FICOU LINDOOOOOO!!!!!!!
    PARABÉNS!!!!!!!!

    TENHA UM ÓTIMO FIM DE SEMANA

    ResponderExcluir
  12. Adorei Marina! É por aí mesmo, mas com certeza é difícil. Meu lema é quando comprar, doar alguma peça mais antiga. Boa noite!
    Bjs.

    Jussara
    caminhandonaarte.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Verdade, temos tudo à nossa volta e não valorizamos. Amei a resposta de Leonardo.
    Parabéns pelo texto querida, foi ótimo a mensagem final. Boa noite e beijinhos para ti.

    ResponderExcluir
  14. OLÁ MARINA! AMO SUAS PUBLICAÇÃO ME FAZ MUITO BEM! ME DA UMA PAZ! BEIJOS E ATÉ!!!!

    ResponderExcluir
  15. Olá querida, parabéns pela postagem! Amei!

    ResponderExcluir
  16. Mais uma vez parabéns, sua postagem foi simples e direta. Gostei!Bjos no coração!
    Faço parte das BU.
    http://luskidoca.bolgspot.com

    ResponderExcluir